Marabá
24°C
Scattered clouds

Vítima com memória fotográfica manda assaltante à prisão

Polícia Militar recuperou a moto roubada em um matagal depois do Km 8 da BR-230, na zona rural de Marabá | Foto: Divulgação
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Matheus da Costa Santos jamais imaginaria ser capturado pela polícia no próprio bairro depois de um assalto que considerava perfeito. Foi exatamente o que aconteceu na tarde desta quarta-feira (24), no Bairro da Paz, Núcleo Cidade Nova, em Marabá.

Tudo começou às proximidades de um posto de saúde na Folha 12, Núcleo Nova Marabá, quando mãe e filho foram abordados por uma dupla e tiveram a recém-adquirida motocicleta, modelo Honda Bros 160 vermelha e preta, roubada à luz do dia. Os criminosos também estavam de moto durante a ação, que durou pouco menos de três minutos.

Logo após o assalto, o filho resolveu acionar o Núcleo Integrado de Operações (Niop 190) da Polícia Militar, relatando o ocorrido e solicitando uma guarnição ao local. Conforme a vítima, os criminosos estavam armados com arma de fogo em uma motocicleta Honda Fan vermelha.

A vítima, certamente detentora de memória fotográfica, foi além no relato aos policiais militares, informando também a placa do veículo utilizado pelos ladrões. Tudo isso ele conseguiu decorar com uma arma apontada para si e para a própria mãe e no calor do momento que um assalto proporciona.

Após informar modelo, cor e placa da moto, os policiais fizeram consultas ao sistema de modo a conhecer os dados do proprietário daquele chassi. O endereço fornecido foi a Rua Alagoas, Quadra 35, Lote 1, no Bairro da Paz.

Moto roubada na Folha 12 foi comprada pela vítima recentemente

Imediatamente, a viatura Militar se deslocou ao endereço citado pela consulta e, chegando ao bairro, logo encontraram um indivíduo sobre a motocicleta com as características e a placa informadas pela vítima.

Abordado pelos policiais, Matheus negou que tenha utilizado a moto em assalto e recebeu a informação de que teria de seguir na viatura até a delegacia para prestar esclarecimentos. Matheus, então, vendo que fora pego em flagrante, confessou o crime, indicando o local em que a motocicleta roubada estava escondida.

Os militares foram até o local indicado por Matheus, em um matagal às margens da BR-230 (Rodovia Transamazônica), passando do Km 8, já na zona rural de Marabá. Parecia o crime perfeito roubar uma motocicleta na Folha 12 e escondê-la por algum tempo fora da cidade, mas a estratégia se revelou um grande fracasso. Talvez mais interessante fosse esconder o veículo utilizado no assalto.

A polícia recuperou a moto roubada no matagal e a devolveu ao dono horas depois do assalto. A Matheus, um dos criminosos, só restou a prisão em flagrante pelo crime de roubo, que prevê pena de reclusão de quatro a dez anos e multa. Ele foi levado à Delegacia de Polícia Civil da Cidade Nova. A PM já tem a identificação do segundo envolvido no assalto. (Vinícius Soares/Debate Carajás)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!