Marabá
32°C
Clear sky

Secretaria de Educação prepara retomada de aulas presenciais em São João do Araguaia

Professores e alunos retomarão as atividades presenciais a partir de setembro de 2021, mas em agosto o ano letivo seguirá normal com aulas remotas.
Secretaria de Educação de São João do Araguaia - Crédito: Portal Debate Carajás
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) prepara o retorno das aulas presenciais, nas escolas públicas da cidade de São João do Araguaia, no sudeste do Pará, a partir do mês de setembro de 2021, sob a coordenação da secretária Sandra Maria Santana, haja vista que os prédios escolares ainda estão passando por reforma e adequação necessárias para oferecer segurança sanitária para professores e alunos durante a pandemia da covid-19.

No dia 2 de agosto de 20201, o ano letivo retornará com “Atividades remotas não presenciais”, mas no início do mês de setembro, o “Protocolo de retorno das aulas presenciais para escolas públicas municipais” será colocado em prática com o retorno de 50% dos alunos de cada turma da Educação Infantil, a cada semana, até chegar a 100% dos estudantes no final do mês de cada etapa de retorno.

No começo do mês de outubro, retornarão para as aulas presenciais 50% dos alunos do Ensino Fundamental menor (1º ao 5º anos) e no início de novembro começarão as atividades presenciais para 50% dos alunos do Ensino Fundamental maior (6º ao 9º anos), por turma, até se atingir a totalidade de 100% dos estudantes assistindo às aulas presenciais.

Já as escolas de  Ensino Médio existentes em São João seguirão o calendário letivo da Secretaria Estadual de Educação (Seduc) previsto para iniciar no dia 2/8/2021 com aulas presenciais. O “Protocolo de retorno das aulas presenciais” atende a uma exigência do Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) através do Ofício Circular Nº 49/2021 – MP/PJSJA. O planejamento está sendo acompanhado pela prefeita Marcellanne Cristina (PDT) que também é professora.

Na contramão, alguns educadores e pais mostram preocupação com o retorno das aulas presenciais devido ao baixo índice de vacinação contra o coronavírus em São João do Araguaia. Na Região do Carajás, cidades como Itupiranga, Palestina e São João agora que começaram a vacinar a população na faixa etária de 50 anos. Um atraso gigantesco na campanha de imunização, pois Marabá e outras cidades maiores do Pará já estão vacinando pessoas com 25 anos. (Pedro Souza/Portal Debate Carajás)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!