Marabá
24°C
Scattered clouds

Polêmico “Leleu” morre de covid-19 em Marabá

"Leleu" e seu velho Gurgel - Crédito: Redes sociais
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Várias complicações provocadas pelo coronavírus mataram Sandoval Saraiva, 63 anos, conhecido como “Leleu”, no início da noite de hoje (27), em Marabá, no sudeste do Pará. A vítima era conhecido como a pessoa que mais provocou confusão com desafetos em Marabá.

“Leleu” estava internado há vários dias infectado com a Covid-19. Ele estava realizando, na luta pela vida, o tratamento contra a doença, porém perdeu a batalha e foi a óbito. Nos últimos anos, dependente químico de álcool, ele era visto bastante debilitado e com hérnias aparente pelo corpo, pelas ruas de Marabá.

Sempre ao lado de seu companheiro inseparável, um “Gurgel Amarelo”, “Leleu” tomou muita cachaça e se meteu em diversas confusões pelos quatro cantos de Marabá. Na troca de sopapos, quase sempre levava a pior. Quando era levado para a delegacia de polícia, “as costas nem sumia e ele já estava de volta ao mesmo local de onde foi levado, zombando de seu adversário”.

No entanto, “Leleu” era bastante conhecido e gozava da amizade de muita gente em Marabá. Como diz o ditado popular, “Leleu tinha os dele”. Assim que a notícia da morte foi anunciada, várias manifestações de pesar foram publicadas nas redes sociais. O nome do hospital onde ele estava internado não foi informado.

A família não divulgou o local do velório nem o horário do enterro. “Leleu” era considerado uma ‘figuraça’ bastante conhecido em Marabá. Como todo ser humano, tinha seus erros, porém possuía muitas virtudes. Seu jeito irreverente vai ficar na memória do povo de Marabá.

“Leleu” morreu aos 63 anos – Crédito: Redes sociais

Fonte: Portal Debate Carajás

 

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!