Marabá
26°C
Scattered clouds

Dupla armada invade e rouba barbearia no Pará

Dono da barbearia percebeu nervosismo de ladrão e reagiu ao assalto | Foto: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Uma barbearia localizada na Travessa Treze de Maio, no bairro Bom Remédio, foi alvo de criminosos na manhã deste sábado (20), em Itaituba, no oeste do Pará. Segundo informações de Charlles Torres, proprietário do estabelecimento, o crime foi cometido por uma dupla que estava em uma moto Honda Pop, de cor branca, mas apenas um dos suspeitos entrou na barbearia.

Conforme Charlles, era por volta das 10h20 quando um rapaz armado com um revólver calibre 38 entrou no estabelecimento e anunciou o assalto. Na hora da abordagem, o suspeito apresentava muito nervosismo. Com isso, Charlles conta que começou a se enrolar na hora de entregar os objetos e foi para cima do bandido, que tentou disparar puxando o gatilho três vezes, mas a arma falhou na hora.

“Eu fui um pouco para cima dele (o assaltante) e ele tentou atirar em mim. Graças a Deus, a arma falhou. Ele começou a querer ir para trás e eu pulei em cima dele e tentei dar um mata-leão nele”, relata Charlles.

O proprietário contou com a ajuda de um cliente, que deu algumas pancadas de violão na cabeça e no corpo do suspeito. A arma caiu das mãos do bandido, que, em seguida, fugiu levando um aparelho celular e algumas joias (anel, cordão, aliança e pulseira).

“Como eu estou me recuperando ainda de uma dengue, então estou sem forças. O rapaz tentou correr atrás do bandido. A gente tentou segurar ele aqui, mas não conseguimos. Ele acabou fugindo com o comparsa que estava esperando do lado de fora”, lamenta o proprietário.

Charlles informou que está com hematomas devido à briga e com um machucado na cabeça, devido a uma coronhada que o suspeito lhe deu. O cliente ficou com as mãos inchadas por conta dos murros que deu no ladrão.

A Polícia Militar foi acionada após o ocorrido e realizou diligência em busca dos suspeitos, mas até a publicação desta matéria ninguém havia sido preso. (Portal Giro)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!