Marabá
26°C
Scattered clouds

Bolsonaro tenta adiar votação da PEC do voto impresso

Base aliada não possui maioria para aprovar as modificações na lei eleitoral.
Foto: Reprodução/ redes sociais
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Jair Bolsonaro, que vem achacando o Brasil com seu discurso golpista sobre o voto impresso, agora quer que o Congresso Nacional adie qualquer decisão sobre o assunto.

“A base bolsonarista admite não ter no momento os 308 votos necessários para aprovar a PEC do voto impresso e tenta convencer o presidente da Casa, Arthur Lira, a esperar para colocar o tema em votação no plenário”, diz o Valor.

“A negociação deve ganhar força hoje. O chefe do Executivo se encontra às 10h30 com Lira. Ele levará ao presidente da Câmara a medida provisória referente ao programa social que substituirá o Bolsa Família.”

A reportagem perguntou a Bia Kicis qual é a data ideal para votar a matéria. Ela respondeu:

“Quando tivermos os votos necessários.” O plano do bolsonarismo é recorrer ao tapetão para continuar achacando o Brasil. E nada mais. (O Antagonista)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!