Marabá
27°C
Scattered clouds

Suspeito de matar policial durante confraternização é preso no Pará

O indivíduo é acusado de participar dos assassinatos do Sargento José Socorro Pinto da Costa e de seu genro, Roselino da Silva, durante uma confraternização da família em Cametá
"Fona" é acusado de matar o Sgt PM - Crédito: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Uma guarnição da Polícia Militar avistou uma dupla, em uma motocicleta, na noite desta segunda-feira (13), na Estrada do Tapanã, em Belém, e capturou o suspeito Josildo Almeida dos Reis, conhecido como “Fona”, suspeito de executar o sargento da Polícia Militar, José Socorro Pinto da Costa, e o genro dele, Roselino da Silva, em junho deste ano, durante uma confraternização da família em Cametá, nordeste do Pará.

De acordo com testemunhas, as duas vítimas estavam em uma festa de aniversário no momento em que um carro se aproximou e um atirador efetuou vários disparos contra o sargento, mas o genro dele também acabou sendo atingido e morreu. Um sobrinho do PM foi ferido e levado para o hospital, mas conseguiu sobreviver.

Nos próximos dias, “Fona” deve ser recambiado para a cidade de Cametá, onde será levado a júri popular, que julga os crimes dolosos contra a vida. (Portal Debate Carajás)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!