A Nickelodeon divulgou, nesta
terça-feira, 27, comunicado lamentando a morte de Stephen Hillenburg. Ele criou
personagem infantil Bob Esponja Calça Quadrada em 1984. 
Hillenburg revelou em março do ano
passado ter sido diagnosticado com esclerose lateral amiotrófica. Segundo a
emissora, a doença causou a morte do animador.
“Estamos incrivelmente
entristecidos pela notícia de que Steve Hillenburg morreu após uma batalha
contra a esclerose lateral amiotrófica (ELA). Ele foi um amigo querido e um
parceiro criativo de longa data para todos na Nickelodeon, e nossos corações
estão com sua família”, disse o canal em nota.
“Steve
deu ao Bob Esponja Calça Quadrada um senso de humor único e inocência, levando
alegria a gerações de crianças e famílias ao redor do mundo”, divulgou a
Nickelodeon. “Seus personagens totalmente originais e o mundo da Fenda do
Biquíni ficarão para sempre como um lembrete dos valores de otimismo, amizade e
poder ilimitado da imaginação”.
 
Hillenburg disse em 2017 que estava
sofrendo da doença degenerativa, conhecida pela sigla ELA, que também é chamada
de doença Lou Gehrig. 
O animador criou a versão inicial de Bob
Esponja em 1984, quando lecionava biologia marinha no Orange County Ocean
Institute, na Califórnia. A versão mais conhecida do personagem,
com a famosa calça quadrada, surgiu anos depois. 
O primeiro episódio do desenho foi
veiculado em 1999. Ao todo, quase 250 episódios foram exibidos com traduções
para mais de 60 idiomas, ainda segundo o portal. 
A série ganhou múltiplos prêmios, produziu uma
sequência de livros spin-off, dois filmes de Hollywood e um musical da Broadway.
Entrevista -“Bob Esponja é um
ingênuo. É o arquétipo do personagem que esteve por aí sempre, ou seja, o
personagem que se comporta como uma criança. Eu gosto de personagens como os de
‘O gordo e o magro’. São sempre personagens infantis, num mundo de
adultos”, descreveu Hillenburg em entrevista ao G1, quando visitou o
Brasil em 2010.


Na época, o artista disse ao portal
que imaginava que alcançaria públicos de diferentes idades com o personagem.
“Nós apenas tentamos rir enquanto escrevíamos as histórias”,
lembrou. “E depois olhávamos para saber se era apropriado para as
crianças. E eu acho que grande parte do humor vem da personalidade (dos
personagens). São apenas personagens engraçados fazendo coisas bobas.”
Sobre os outros personagens que habitam
a Fenda do Bikini, Hillenburg comentou que Patrick, melhor amigo de Bob,
“não é ingênuo, mas burro” e que “os dois juntos são
perigosos porque ambos acham que são gênios. Bob Esponja nunca percebe o quão
burros eles são, Patrick acha que Bob é o melhor cara”.




Já o senhor Sirigueijo, patrão de Calça
Quadrada no Siri Cascudo, foi inspirado num chefe que Hillenburg conheceu
quando trabalhou num restaurante de frutos do mar. “Eu não acho que o
senhor Sirigueijo seja mal, ele é um grosso.” 
O animador escreveu, produziu e dirigiu
o primeiro filme de Bob Esponja, lançado em 2004. Na sequência “Bob
Esponja: Um herói fora d’água”, de 2015, atuou como roteirista e produtor
executivo.
Fonte: Portal ORM