Marabá
32°C
Clear sky

Simone Tebet é escolhida por PSDB, Cidadania e MDB para representar ‘terceira via’; Doria reage

O tucano avalia, inclusive, judicializar a questão

Os partidos do PSDB, Cidadania e MDBescolheram a senadora Simone Tebet (MDB/MS) para ser a candidata à Presidência da chamada “terceira via”. A decisão foi tomada durante uma reunião entre os dirigentes partidários, realizada nesta quarta-feira (18), em Brasília. Agora, as três siglas têm a ‘missão’ de demover o ex-governador de São Paulo João Doria, do PSDB, de seu projeto presidencial. As informações são do portal Congresso em Foco e da coluna Painel, da Folha de São Paulo.

Durante o encontro entre as lideranças das três legendas, foi avaliado o desempenho dos nomes viáveis para uma disputa presidencial, Tebet e Doria, contra o atual presidente Jair Bolsonaro (PL) e o ex-presidente Lula (PT). As executivas nacionais dos partidos deverão se reunir separadamente para oficializar o nome da senadora e existe a expectativa de que a candidatura pode ser oficializada na próxima terça-feira (24).

Presidente do Cidadania, Roberto Freireafirmou que, apesar dos dirigentes terem chegado a um consenso, não são eles quem vão decidir. “O que nós aqui acordamos é que vamos levar nossa posição, cada um a seu partido, e vamos dar tempo para o partido decidir. Fiquem tranquilos, nós chegamos a um consenso”, declarou, sem dar detalhes sobre o desempenho das pesquisas.

De acordo com o presidente do MDB, Baleia Rossi, a pesquisa trouxe alguns números que “são muito positivos” na construção de uma unidade de uma melhor via. “Primeiro, o que já foi falado: a sensação da polarização é que ela prejudica os brasileiros. Esse é um dado extremamente relevante para construção de uma alternativa mais equilibrada, mais moderada que busque responder aos problemas reais dos brasileiros”, disse.

Doria

Pré-candidato à Presidência pelo PSDB, escolhido durante as prévias do partido realizada em novembro do ano passado, o ex-governador de São Paulo, João Doria (PSDB), passou a quarta-feira (18) tentando obter junto ao partido a pesquisa encomendada para decidir quem será o nome da terceira via.

De acordo com o Jornal Folha de São Paulo, ele sugeriu inclusive que uma cópia fosse enviada à senadora Simone Tebet (MDB-MS), mas sem sucesso.

Doria e seus aliados têm questionado a avaliação que foi feita de que ele é menos competitivo que Tebet na eleição presidencial. Ele também se baseia numa pesquisa divulgada pelo instituto Quaest nesta quarta-feira (18), que mostra que 51% dos eleitores poderiam votar nele, contra 44% em Tebet.

O tucano avalia inclusive judicializar a questão, argumentando que venceu uma prévia realizada no ano passado.

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!