Marabá
32°C
Overcast clouds

Servidor público morre após mal súbito enquanto pedalava no Pará

Silvestre Guimarães era praticante de atividades físicas e, segundo a família, não bebia e nem fumava
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

A vida é um sopro. A verdade é que temos que viver cada dia como se fosse o último, pois há qualquer minuto poderemos partir deste mundo de matéria. Um caso ocorrido na noite desta quinta-feira (22), próximo a Praça da República, ilustra bem essa reflexão.

Um homem que havia saído de casa para praticar exercícios físicos com uma bicicleta morreu após um mal súbito, no momento em que se preparava para atravessar a avenida Nazaré e retornar para a residência.

Segundo testemunhas, Silvestre Ferreira Guimarães morreu de forma instantânea. No momento da morte muitas pessoas transitavam pelo local e não perceberam o ocorrido. Somente após alguns minutos, todos perceberam que Silvestre havia morrido.

Silvestre tinha 52 anos e era servidor público do Estado na Seplad. Ele tinha um cargo na diretoria da secretaria. Segundo a família, Silvestre praticava diversos exercícios físicos, não bebia e nem fumava.

Viva cada momento como se fosse o último, pois poderá realmente vir a ser. (DOL)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!