Um dia depois de Helder Barbalho ceder a pressões e retirar Marabá do ‘lockdown’, o boletim epidemiológico, publicado pela Prefeitura de Marabá, hoje (19), por volta de 19 horas, anunciou a morte de mais 5 pessoas contaminadas pelo novo coronavírus. 

Um mulher de 78 anos (diabética e hipertensa), homem de 54 anos (sem comorbidade), mulher de 73 anos (sem comorbidades), homem de 51 anos (hipertenso) e uma mulher de 67 anos (cardiopata e diabética) aumentaram a trágica estatística de mortes po Covid-19 em Marabá.

Das cinco mortes anunciadas hoje, duas pessoas não tinham histórico de possuir nenhuma outra doença, ou seja, em 40% dos óbitos, os pacientes eram saudáveis ao contrair a doença.

Crédito: Reprodução

A retirada de Marabá da lista de ‘lockdown’, solicitada pela Prefeitura Municipal, deixou indignada uma parcela significativa da sociedade. Além de jogar, sobre os ombros do prefeito Tião Miranda, a responsabilidade pelas mortes, caso os óbitos continuem em ascendência.

Pedro Souza