A programação foi no Centro de Instrução
Almirante Braz de Aguiar (CIABA) no Distrito de Icoaraci, em Belém
O Comando do 4º Distrito Naval da
Marinha do Brasil abriu, nesta terça-feira (24), o Programa Forças no Esporte
(Profesp), com uma programação no Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar
(Ciaba), no Distrito de Icoaraci, em Belém. O programa, criado pelo Ministério
da Defesa, atende 23 mil estudantes em vulnerabilidade social, de escolas
públicas no País, com atividades esportivas e educativas em espaços da Marinha
do Brasil, Aeronáutica e Exército Brasileiro. Em Belém, são beneficiados pelo
programa, por meio do 4º Distrito Naval, cerca de 500 estudantes de 7 a 18 anos
de 12 escolas estaduais e municipais no contraturno das aulas regulares. A
cerimônia presidida pelo comandante do 4º Distrito Naval, vice-almirante
Edervaldo de Abreu Filho enalteceu a participação dos alunos de escolas
públicas, e lembrou que também estudou nas chamadas “escolas de governo”.
“Somente a educação mudará
a realidade de vocês”, enfatizou o comandante aos estudantes. O vice-almirante
Edervaldo destacou que investir no jovem é investir no futuro do País, na
formação de pessoas de bem. Ele lembrou que esteve na Escola Estadual
Jaderlândia, onde plantou mudas de árvores na segunda-feira (23). “Plantei
quatro árvores lá; é um gesto pequeno, mas alguém, no futuro, vai se alimentar
dessas árvores, como eu me alimento dos frutos das árvores que alguém já
plantou”, completou o comandante do 4ºDN. Os estudantes das escolas da
Secretaria de Estado de Educação (Seduc) e da Secretaria Municipal de Educação
de Belém (Semec) desenvolvem atividades do Profesp, duas vezes por semana, em
três unidades do 4° DN: no Ciaba, no 2º Batalhão de Operações Ribeirinhas e na
Estação Radiogoniométrica da Marinha em Belém.
O programa, criado pelo Ministério da
Defesa, atende 23 mil estudantes em vulnerabilidade social, de escolas públicas
no país
Valores
Da rede estadual, 315 alunos das
escolas Almirante Guillobel, Almirante Tamandaré e Jaderlândia são atendidos
pelo Profesp. “Os estudantes têm uma programação intensa no Projeto, com
futebol, natação, corrida, judô, caratê, oficinas e visitas ao Planetário do
Pará e outros pontos turísticos, além do reforço escolar”, relatou a diretora
da Escola Jaderlândia, Elizabeth Aguiar. “Eles assimilam valores muito úteis à
vida deles”, avalia a diretora da Escola Almirante Tamandaré, Nádia Sena. A
abertura do Profesp reuniu a secretária municipal de Educação de Belém, Socorro
Aquino; o palestrante e ex-técnico da Seleção Brasileira de Boxe, Ulisses
Pereira, e os comandantes do Ciaba, capitão Baptista Santos; do 2º BOR, capitão
Litwak, e da Estação Radiogoniométrica, capitão Guilherme Carvalho, entre
outras autoridades. (Eduardo Rocha)
Fonte Agência Pará de Notícias