Marabá
31°C
Clear sky

Retorno de Benjamin Tasca a Itupiranga motiva carreata

Crédito: Whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O prefeito da cidade de Itupiranga, no sudeste do Pará, Benjamim Tasca (PSD), foi recepcionado por amigos e correligionários, no final da manhã de hoje (1), por volta de 11h20, no Aeroporto de Marabá, depois de lutar contra a Covid-19, desde a última semana de dezembro de 2020. Ele foi internado no Hospital Regional de Marabá, mas seu quadro clínico se agravou e o político foi transferido para a cidade de São Paulo (SP).

Na “Terra da Garoa”, o político ficou 19 dias internado em um leito de UTI do Hospital Alemão Oswaldo Cruz. Tasca havia recebido alta médica na quarta-feira (27). No dia 22, o prefeito já tinha sido transferido da UTI para um apartamento, onde ficou realizando exercícios físicos para recuperar a capacidade pulmonar.

Benjamin Tasca (na janela) em voo para Marabá – Crédito: Whatsapp

Tasca chegou a ter 70% dos pulmões comprometidos, porém conseguiu se recuperar. O prefeito ainda vai ficar afastado do comando da prefeitura de Itupiranga por alguns dias. Benjamin tem 69 anos, é solteiro, possui curso superior completo e declarou ao TSE a ocupação de professor de ensino médio. Ele foi eleito com 42,93%, dos votos. Como não possui esposa nem filhos, todo o acompanhamento do paciente foi realizado por amigos.

“Benjamin precisava voltar para assumir o cargo delegado a ele pelo povo de Itupiranga. Ele conhece nossa cidade e nossa gente com ninguém. Deus ouviu as preces daqueles que rezaram e oraram pela recuperação de Tasca”, comenta “Jc Segurança”, amigo do prefeito.

Já em Itupiranga, uma multidão aguardava a chegada do político. Houve discursos, agradecimentos, foguetes e a presença do padre e de um pastor da cidade para abençoar a cura de Benjamin Tasca. O paciente vai continuar com a medicação indicada pelos médicos e deverá passar por um longo período de fisioterapia para passar a ter uma vida normal.

Multidão aguardava o prefeito – Crédito: Whatsapp

Fonte: Pedro Souza

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!