Reprodução

Em 2020, a Universidade Federal do Pará (UFPA) deve receber mais de 8 mil calouros. O sonho de entrar na universidade no ano que vem já levou mais de 97 mil pessoas a se inscrever no principal processo seletivo da instituição: o PS 2020. Mas do outro lado desta disputa estão 1.792 universitários que, depois de enfrentar o desafio de conquistar uma vaga na federal do Pará, agora, estão prestes a perdê-la.

Ao todo 1.792 estudantes ultrapassaram o limite de tempo para se formar, abandonaram os cursos, reprovaram ou trancaram mais de dois semestres seguidos ou quatro períodos alternados e, por isso, eles estão na lista de prescrição 2019, que foi lançada pela instituição.

Para reverter o quadro, eles têm de comparecer com urgência às secretarias das faculdades e iniciar a negociação para continuarem estudando. Quem não iniciar este processo até o dia 29 de outubro será automaticamente desligado da UFPA. A lista será publicada até 25 de novembro.

Novo PSS

E o Processo Seletivo 2020 (PS 2020) da universidade continua com inscrições abertas até 1º de novembro, com uma oferta de 7.143 vagas em 191 cursos de graduação. Do total 3.449 serão disputadas pela ampla concorrência e 3.503 ofertadas pelo sistema de cotas da universidade, além da oferta de 191 vagas extras para pessoas com deficiência.

DOL