Marabá
29°C
Overcast clouds

Professor de Marabá é preso por porte ilegal de arma após as 23h

Homem foi flagrado pela Polícia Militar portando uma Beretta e uma espada na caminhonete | Foto: Divulgação
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O empresário e professor universitário Wanderson Sousa Serpa esteve na 21ª Seccional de Polícia Civil de Marabá na noite desta terça-feira (6) depois de ser flagrado na rua com uma arma de fogo após as 23h, quando se inicia o toque de recolher no município.

Narra o relato da ocorrência que Wanderson conduzia uma caminhonete Ford Ranger prata no momento da abordagem, na Folha 10, Núcleo Nova Marabá, próximo a uma panificadora, com uma motocicleta na carroceria.

Wanderson recebeu ordem de parada de policiais militares do Grupamento Águia, lotados no CPR II, por atitude suspeita na condução do veículo.

Com ele, no bolso da calça, foi encontrada uma arma de fogo Beretta, calibre 6.35 milímetros, com nove cartuchos, e também uma espada. Wanderson alegou aos policiais que costuma andar armado pelo fato de ser também fazendeiro e “fazer algumas rondas em sua propriedade”, mas ele transitava no perímetro urbano da cidade.

Além disso, o empresário, que é sócio-proprietário de um conhecido restaurante e sushi nas imediações da Orla do Rio Tocantins e de uma casa lotérica muito frequentada na Folha 28, informou ter adquirido a arma há três anos pela quantia de R$ 3.800.

Por não ter autorização para portar arma de fogo, Wanderson foi conduzido à seccional para a adoção das providências legais. (Portal Debate Carajás)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!