Preço abusivo de estacionamento na Feira do Livro gera polêmica em Marabá

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

“O espaço é público, construído com recurso público e abriga um evento literário público, logo a cobrança de R$ 10,00 em um estacionamento é ilegal”, protestou o internauta Afonso Moretto, em uma discursão “acalorada” em um grupo de whatsapp, na terça-feira (24), sobre a cobrança de estacionamento na 23ª Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes, realizada no Carajás Centro de Convenções, em Marabá.

“A gente encontra livros a R$ 5,00 reais, portanto a cobrança de estacionamento está mais cara que uma obra literária”, disse outro. O caso ganhou repercussão desde o início da 1ª Festa Literária de Marabá e levou a empresa Pará 2000, administradora do Hangar Centro de Convenções, em Belém, e o Carajás Centro de Convenções, em Marabá, e a Secretaria de Cultura do Estado do Pará (SECULT) a publicarem a nota de esclarecimento abaixo:

Nota

A OS Pará 2000 é uma organização social sem fins lucrativos que tem contratos de gestão para a operação e manutenção de diversos aparelhos públicos no Estado do Pará, incluindo o Carajás Centro de Convenções.

O Carajás, um investimento público de mais de 35 milhões de reais, é o maior e melhor equipado aparelho nas regiões Sul e Sudeste do Estado do Pará para a realização de grandes eventos.

Em virtude do seu porte e utilização, o Carajás Centro de Convenções demanda constante manutenção das estruturas e equipamentos que o compõem, com custos que somaram quase 2,5 milhões de reais em 2018, havendo ainda investimentos complementares planejados para aprimorar o centro de convenções que demandarão mais R$ 2 milhões.

Em junho de 2018 o valor do estacionamento do Carajás Centro de Convenções foi reajustado para R$ 10,00, gerando receitas quem em muito contribuem para a manutenção e operação do aparelho.

Isto ocorreu pouco mais de 30 dias após a realização da Feira do Livro de 2018 em Marabá, razão pela qual alguns visitantes que estiveram na feira no ano passado não tinham conhecimento da alteração nos preços e sentiram-se surpreendidos com a nova tarifa.

Levando em consideração o exposto, em respeito ao público da Feira do Livro e como forma de apoiar e incentivar o hábito da leitura, a OS Pará 2000, em conjunto com a Secretaria de Cultura do Estado do Pará (SECULT) decidiram reduzir extraordinariamente o valor da tarifa de estacionamento no Carajás Centro de Convenções para R$ 7,00 durante os dias remanescentes da feira, do dia 26/09 (quinta-feira) ao dia 29/09 de 2019 (domingo). Esperamos com esta mudança demonstrar o compromisso da Pará 2000 e da SECULT com a cultura e educação da população paraense.

Ascom/OS Pará 2000

Fotos: Reprodução

Pedro Souza

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!