Marabá
31°C
Clear sky

Polícia recaptura foragido que estava passando notas falsas em Marabá

Foragido estava com R$ 2.220,00 e parte das cédulas era falsa, sendo usada em golpes na cidade
O foragido estava com R$ 2.220,00, mas parte do dinheiro era falsa e outra parte só com perícia para comprovar a autenticidade (Ascom / Polícia Federal)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

A Polícia Militar recapturou um foragido da Justiça, em Marabá, no sudeste do Pará. Ele estava aplicando golpes usando dinheiro falso. O mandado de recaptura foi cumprido na tarde de quinta-feira (3), mas como o novo crime não é atribuição estadual, ele foi apresentado à Polícia Federal.

Tudo começou quando uma pessoa vendeu um celular pela internet. O comprador utilizou R$ 800,00 em notas falsas para efetuar a compra. Constatada a falsidade, ele monitorou os novos anúncios na internet e verificou que o comprador estava anunciando a venda do aparelho que havia acabado de comprar.

A PM se mobilizou após o registro da ocorrência e conseguiu localizar e abordar o golpista. Após a identificação do indivíduo, foi constatado que estava foragido do sistema semiaberto, condenado pelo crime de extorsão mediante sequestro.

Com o foragido golpista, havia 34 cédulas, sendo 22 notas de R$ 50,00, 11 de R$ 100,00 e 1 de R$ 20,00. Algumas dessas notas eram falsas, outras verdadeiras e outras somente a perícia da PF poderá concluir a autenticidade. Ressalta-se que as notas possuíam uma qualidade de falsificação suficiente para passar despercebida aos olhos de alguém que não seja um especialista.

O envolvido foi levado para o presídio de Marabá, onde deverá aguardar o julgamento acerca do crime de Moeda Falsa (Art. 289 do Código Penal). O nome do falsário não foi divulgado. (O Liberal)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!