Pedro Filho é considerado um "monstro" por integrantes da família,

A Polícia Militar prendeu, na noite de ontem (22), por volta de 11h20, em Marabá, no Pará, Pedro Paiva Dias Filho, assassino de Dheferson Veras de Oliveira, 24 anos, morto a machadada, no dia 18 de abril de 2019, na Vila São Pedro, município de Itupiranga, no sudeste do Pará. O crime macabro chocou a comunidade, na época.

O homicida chegou à casa da vítima e pediu para “passar uma temporada”. Como a sobrinha já conhecia a vida pregressa e os problemas do tio com a justiça, recomendou ao esposo para não aceitar o pedido dele, porém Dheferson Oliveira fez justamento ao contrário, pagou com a própria vida e ainda foi roubado depois de morto.

Pedro Paiva foi capturado na Rua Sol do Oeste, bairro Liberdade, após os militares receberem denúncia anônima sobre o paradeiro do homicida. Havia um mandado de prisão temporária, em aberto, expedido pela Comarca de Itupiranga. Pedro Paiva é acusado de matar o esposo da sobrinha para roubar uma moto e um aparelho celular. Ele foi apresentado na 21ª Seccional de Polícia Civil, onde permaneceu preso, à disposição da justiça.