Marabá
27°C
Scattered clouds

Polícia prende filha suspeita de matar pai inspirada em filme

Suspeita de matar o pai, Cláudia Campos Veiga, de 41 anos, foi presa no último dia 4, em Fundão (ES). O crime ocorreu no dia 9 de julho deste ano em Embu-Guaçu (SP)
Reprodução/redes sociais
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

De acordo com as investigações, Cláudia teria se inspirado no filme “Doce Vingança” (2010), em que a protagonista mata um grupo de abusadores que a atacou. Conforme a polícia, dias antes de cometer o crime, a mulher teria enviado mensagens a um irmão fazendo diversos comentários sobre a história do filme.

Em depoimento à polícia, um ex-namorado da suspeita também reforçou que a mulher tinha vontade de se vingar do pai. Segundo o homem, a ex-namorada havia afirmado que o idoso abusou sexualmente dela durante a adolescência.

Aparecido Omar Veiga, 65 anos, estava internado em uma clínica de reabilitação Embu-Guaçu. A mulher foi até a cidade no interior de São Paulo e convidou o idoso para uma caminhada nos arredores da propriedade. Em seguida, ela teria colocado fogo no pai, que morreu carbonizado.

A vítima foi encontrada por um funcionário da clínica horas depois do crime. Cláudia já não estava mais no local. Conforme a polícia, após a prisão no último dia 4, a mulher está no Centro Prisional Feminino de Colatina.

A Secretaria de Estado de Segurança Pública de São Paulo informou que a delegacia capixaba trabalha para conseguir efetuar a transferência da suspeita, já que o caso é investigado em Embu-Guaçu. (Isto É)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!