Marabá
29°C
Clear sky

Operação prende dupla que desviou R$ 3 milhões de loja agropecuária

Dupla trocavam mensagem por aplicativos sobre transferência de dinheiro. A quantia é fruto de roubo de uma loja de produtos agropecuários da região
Dupla foi presa na segunda fase da operação ‘Ponto Cego". | Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

A segunda fase da operação “Ponto Cego”, realizada pela Polícia Civil, resultou na prisão de duas pessoas. A primeira fase da operação ocorreu em março deste ano.

Dois homens foram presos em Parauapebas, no sudeste do Pará, na última quinta-feira (3), acusados pelo roubo de cerca de R$3 milhões da loja de produtos agropecuários da região, Casa da Roça, além de praticar lavagem de dinheiro.

Os suspeitos foram identificados como Alan da Silva Borges, de 25 anos, e Mateus da Silva Sousa, 22 anos, respectivamente. Segundo investigações, a dupla trocava mensagens em seus celulares sobre o envio e transferências de valores suspeitos.

As prisões, de acordo com o delegado Elson de Deus, ocorreram no contexto da segunda fase da Operação “Ponto Cego”, sendo que a primeira fase iniciou no dia 27 de março, quando foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão, além de bloqueios de valores em diversas contas dos investigados.

O Ministério Público se manifestou favorável à prisão de Alan e Mateus, considerando o relatório das investigações da Polícia Civil.

Ainda de acordo com o delegado Élcio, os criminosos não resistiram à prisão e encontram-se em uma das celas de transição da vigésima seccional à disposição do poder judiciário. (DOL)

Casa da Roça fica localizada no Bairro Cidade Nova, em Parauapebas – Crédito: Pebinha de Açucar

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!