Marabá
27°C
Overcast clouds

Pistoleiros executam família inteira no sul do Pará

Corpos foram encontrados, na zona rural do município de São Félix do Xingu, neste domingo (9).
Família assassinada - Crédito: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

SÃO FÉLIX DO XINGU – Neste domingo (9), os corpos do trabalhador rural, conhecido como “Zé do Lago”, a esposa Márcia e a filha Joene foram localizados, depois de serem executados a tiros, na zona rural do município de São Félix do Xingu, em uma localidade conhecida como “Cachoeira da ‘Mucura’’, distante cerca de 90 quilômetros da cidade de São Felix do Xingu, no sul do Pará.

O cadáver de Márcia foi encontrado, boiando no Rio Xingu. Já a filha do casal e “Zé do Lago” foram executados do lado de fora do barraco. A família de ambientalistas morava às margens do Rio Xingu, onde desenvolvia um projeto de criação de quelônios.

Um vídeo, divulgado nas redes sociais, mostra “Zé do Lago” explicando como desenvolvia a criação de tracajá para, segundo a vítima, repovoar o Rio Xingu. No local das mortes, foram encontradas diversas cápsulas de bala. Um filho do casal e a Polícia Civil localizaram a família morta.

Os três foram executados, há dias, pois os corpos já estão em decomposição. O triplo homicídio intrigou a Polícia Civil que trabalha para desvendar o caso. Diversas linhas de investigações estão sendo analisadas. O caso chocou a população de Félix do Xingu. (Portal Debate Carajás)

“Zé do Lago”, Márcia e Joene – Crédito: Redes sociais

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!