Mototaxistas protestam contra criação de serviço por aplicativo em Marabá

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Dezenas de mototaxistas cadastrados realizaram um protesto, na tarde de hoje (29), na Folha 16, núcleo Nova Marabá, contra a criação do serviço Uber moto na cidade. A criação do novo serviço estaria sendo realizada pela empresa de táxi Urbano Norte (URB), através de aplicativo de celular.

De acordo com um áudio atribuído a um mototaxista, o objetivo do protesto seria pressionar os líderes do movimento a desistirem da implantação do serviço em Marabá. O áudio cita ainda o cadastramento de 500 motos por Jader Santos, liderança do movimento, para explorar o serviço em Marabá, através de aplicativo de celular.

Assim como a implantação do serviço de táxi, através de aplicativo de celular, está provocando uma discussão bastante acalorada com o sindicato e associações de táxi convencional em Marabá, a chegada da “moto uber” também promete elevar a tensão e o nível do debate em torno de mais esse serviço de exploração de concessão pública. 

Jader Santos

Jader Santos

O Portal Debate Carajás fez contato com um dos líderes do movimento, Jader Santos, a respeito do protesto realizado pelos mototaxistas. Ele afirmou que o novo serviço será na área de transporte de documentos e pequenas cargas, chamado de “moto express”, não Uber moto, para transportar passageiros, como foi divulgado pelas redes sociais.

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!