Marabá
34°C
Few clouds

Pai é preso por estuprar cinco filhas no sudeste do Pará

Crédito: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Um monstro chamado de pai, Francisco Soares da Silva, 51 anos, cujo nome não divulgado, foi preso pela Polícia Civil nesta quarta-feira (14), após equipe da Delegacia de Goianésia do Pará, na região sudeste, do Pará, cumprir mandado de prisão preventiva pelo crime de estupro de vulnerável, Vila Janari.

O acusado foi indiciado por praticar ato libidinoso com as cinco filhas, ao longo de anos, delito com materialidade confirmada por laudos periciais. Na cadeia, um escroque dessa estirpe deverá passar “maus bocados” nas mãos dos presos.

A Polícia Civil informou que, ao tomar conhecimento do inquérito, solicitou de imediato ao titular da Vara Única da Comarca de Goianésia ,o mandado de prisão. Com o mandado de prisão em mãos, os investigadores se dirigiram para a zona rural em busca do pai desnaturado.

“O acusado já era investigado pelo mesmo crime praticado em desfavor de suas filhas, com idades entre 4 e 13 anos. Ao tomarmos conhecimento que estava em uma região rural, foi solicitada à Comarca a prisão, no que foi expedido e cumprido nas primeiras horas de hoje”, contou. A prisão ocorreu em uma área rural situada a 65 quilômetros do centro de Goianésia.

O detento foi encaminhado para delegacia de Polícia Civil, onde o monstro foi enquadrado no Artigol 217-A, nos termos da Lei n.º 12.015/2009, com pena de reclusão de oito a 15 anos, para cada caso de estupro de vulnerável. Depois de autuado, ele foi transferido para o sistema prisional de Tucuruí.

Fonte: Portal Debate Carajás

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!