Marabá
31°C
Overcast clouds

Monstro é preso, após arrancar cabeça de idoso e desfilar pelas ruas de garimpo no sudeste do Pará

Francisco Marcos foi indiciado por homicídio qualificado e já está à disposição da Justiça (Reprodução / Site Zé Dudu)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

A Polícia Civil foi procurada pelos próprios trabalhadores de um garimpo no município de Ourilândia do Norte, no sudeste do Pará, indignados com a violência do assassinato do idoso Carlos Alberto Soares Almeida.

Segundo os trabalhadores, no dia 4/12/2020, Francisco Marcos da Silva Araújo se irritou com Carlos Alberto, que o importunava, e então matou, decapitou e ainda exibiu a cabeça de Carlos Alberto como se fosse uma recompensa pelo estúpido crime cometido.

Desde a denúncia, a Polícia Militar tratou de procurar o suspeito e o encontrou saindo da área de garimpo rumo à cidade de Ourilândia. Francisco Marcos só foi preso porque os PMs montaram uma barreira em uma estrada vicinal que dá acesso à área de garimpo e ele não teve como escapar do cerco.

Segundo testemunhas, após o crime, Francisco Marcos saiu pela área do garimpo contanto detalhes de como matou a vítima, e se não bastasse tamanha frieza, levou a cabeça de Carlos Alberto.

À polícia, Francisco Marcos também contou sobre o homicídio do idoso e onde escondeu a cabeça da vítima, localizada pelos próprios garimpeiros. O acusado foi indiciado por homicídio qualificado e já está à disposição da Justiça.

Fonte: O Liberal

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!