O ministro da Educação, Abraham Weintraub, publicou, em suas redes sociais, um vídeo para explicar seu histórico escolar vazado na internet. Nas imagens, Weintraub confirma a veracidade do documento e diz que o documento traz as notas de seus primeiros três semestres na Universidade de São Paulo (USP).

A imagem mostra que, na época, o ministro teve várias notas baixas e também alguns zeros na matéria. De acordo com Weintraub, sua vida estava confusa e cheia de problemas na ocasião.

– Meus pais se separaram, teve o plano Collor, minha família se desmanchou, eu tive depressão, e sofri um acidente horroroso, tive que colocar parafuso no braço, fiquei seis meses sem poder escrever e só teve um professor que me deixou fazer prova oral – explicou. Ao final, o ministro da Educação mostra a cicatriz que ganhou após o acidente.

O boletim mostra que Weintraub obteve, no primeiro semestre, nota 0,5 em “Introdução à Economia I”, 2,0 em “Contabilidade e Análise de Balanço” e 0,0 em “Complementos de Matemática”. O segundo possui todas as matérias com nota 0. Já o terceiro, cursado em 1990, mostra notas mais altas obtidas pelo ministro.

Pleno.News