Um
caso de maus tratos com uma criança chocou muita gente na zona periférica da
cidade de Breves, na Ilha do Marajó. Durante a tarde desta quarta-feira (12),
uma mulher acabou cravando um pedaço do guarda-chuva no crânio do enteado na
avenida Afuá, no parque universitário do município. 
Segundo a Polícia Militar, o garoto havia pego o
guarda-chuva para ir à escola. No entanto, ele acabou retornando para casa às
18h e a madrasta não gostou. Para castigá-lo, ela começou a agredi-lo com o
guarda-chuva. 
A criança chegou a ser socorrida até a Unidade de Pronto
Atendimento por parentes e não corre nenhum risco de morte. 
A madrasta foi detida e encaminhada pela equipe da
Polícia Militar ao Sindicato dos Delegados de Polícia do Pará (Sudepol), para
medidas cabíveis.
O Conselho Tutelar de Breves foi
acionado para adotar os procedimentos previstos em lei. 
Fonte:
DOL