Marabá
31°C
Overcast clouds

Marabá: Disque Denúncia alerta sobre desmatamento florestal e orienta população sobre importância da denúncia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Áreas de preservação ambiental são muito importantes para a manutenção tanto do meio-ambiente quanto dos espaços urbanos. Apesar de ser algo muito importante para o bem-estar de todos, ainda há muitos casos de desmatamento florestal espalhados pelo país, os quais possuem consequências severas para a população.

É importante se atentar aos sinais desses danos e descobrir como lidar com esses casos o mais rápido possível. Quanto mais você souber sobre o tema e entender os sinais, mais fácil será responder.

Para te ajudar a entender melhor o assunto, vamos falar um pouco sobre as causas do desmatamento, quais são as principais consequências e o que você pode fazer para combatê-la. Acompanhe.

O que leva ao desmatamento florestal?

Apesar das consequências, ainda existem algumas coisas que levam pessoas e organizações a desmatarem florestas. Alguns exemplos são:

Exploração indevida de recursos

Um dos principais motivos para o desmatamento das florestas é o consumo de recursos obtidos nesses espaços, como madeira, animais, água, minério, entre outras coisas. Criminosos fazem vários artifícios para conseguir invadir áreas protegidas e extrair estes recursos naturais em ritmo acelerado, mais rápido do que a natureza pode repor, independente do que seria considerado adequado ou de seus impactos.

Criação de área para pasto

Outro objetivo comum para o desmatamento é a criação de áreas de pasto para a pecuária. Geralmente, áreas florestadas são queimadas e depois substituídas por grama baixa, a qual é usada na criação de gado. Além da retirada do ecossistema local, a grama também impede que as plantas locais se reestabeleçam, o que agrava a situação.

Quais são as consequências do desmatamento florestal?

Como você deve imaginar, os efeitos negativos do desmatamento podem ser bem severos. Alguns dos mais comuns são:

Mudanças no clima

A vegetação de uma determinada área também tem um papel importante na manutenção de seu clima, controlando a umidade e os ventos. Quando ela é removida, estes fatores de controle não estão mais presentes, o que pode levar a mudanças consideráveis nas condições climáticas. Em casos extremos, pode causar desertificação.

Perda de biodiversidade

Animais e plantas são uma parte importante do equilíbrio ambiental. Quando uma área é desmatada, boa parte das espécies que habitam nela são severamente danificadas, seja com redução de seus números ou mesmo uma extinção completa. E quanto mais amplo for o desmatamento, maior esse impacto será.

Contaminação de recursos hídricos

Quando ocorre uma queimada ou retirada de grande quantidade de vegetação natural, os sistemas que mantinham o ciclo da água naquele local também são afetados. Isso pode levar à perda ou contaminação de lençóis freáticos e nascentes, causando prejuízo em larga escala, tanto ao meio-ambiente quanto à população ao redor.

Como combater o desmatamento florestal?

Independentemente das causas ou consequências do desmatamento florestal, é indispensável que você tome algumas atitudes. Primeiramente, é importante denunciar os casos que forem encontrados. Para isso, você pode entrar em contato com o Linha Verde, através do telefone fixo e WhatsApp (94) 3312-3350 ou pelo aplicativo do Disque Denúncia Sudeste do Pará, disponível para Android e IOS.

Fonte: Disque Denúncia Sudeste do Pará – Ascom

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!