Marabá
31°C
Few clouds

Macho alfa agride esposa e passeia com a polícia em Marabá

Plantão na Deam de Marabá foi movimentado neste domingo | Foto: Ilustração
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O plantão deste domingo (21) da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Marabá registrou três ocorrências de violência doméstica e familiar contra a mulher. Destaque para uma agressão ocorrida em um bar na esquina das avenidas Maria Adelina e Paraíso, no Bairro Liberdade, Núcleo Cidade Nova.

Por lá, o indivíduo Clebenilson Fontes Costa foi denunciado à Polícia Militar pela própria mulher vítima da fúria dele. Ela narra às autoridades que foi agredida com um taco de sinuca de forma intencional pelo marido valentão, provocando lesões aparentes. Clebenilson ainda estava no local das agressões quando da chegada da polícia e foi conduzido à especializada para a adoção dos procedimentos legais.

Ali próximo, na Rua Espírito Santo, Bairro Laranjeiras, um nacional descumpriu as medidas protetivas de urgência que a ex-companheira garantiu contra ele na Justiça, invadindo o imóvel e cometendo violência física contra ela. Jonas Rodrigues Pereira Filho seguiu os conselhos da dupla sertaneja e preferiu perturbar a mulher no domingo de manhã, quando tudo aconteceu.

Logo após a chegada de policiais militares, Jonas tentou fugir da cena pulando o muro, mas não funcionou. Ele recebeu voz de prisão antes mesmo de escalar o primeiro tijolo. A braveza acabou ali. Sem o uso de algemas, o machão foi encaminhado para a Deam e foi autuado tanto pelo descumprimento da medida judicial quanto pela agressão à ex-mulher.

Já na Rua Nossa Senhora Aparecida, no Bairro Jardim União, José de Oliveira Filho agrediu a ex-esposa na presença dos filhos e não saiu impune. O episódio foi registrado na madrugada de domingo, ocasião em que a Polícia Militar foi acionada por vizinhos da mulher vítima de violência doméstica.

No local da ocorrência, os militares encontraram a mulher agredida do lado externo da casa ao lado dos filhos, com uma lesão aparente no olho direito. Nesse momento, o valentão já não mais estava no local.

Mesmo assim, os policiais procuraram saber junto à ex-mulher o endereço do homem a fim de levá-lo à Justiça. Foi o que aconteceu. José Filho foi encontrado na casa dele na Avenida Marabá, no mesmo logradouro, e recebeu voz de prisão. Consta no boletim de ocorrência também que os PMs foram desacatados por um irmão do homem, identificado como Marcos da Conceição Oliveira, que foi levado à 21ª Seccional Urbana de Polícia Civil para prestar esclarecimentos. (Vinícius Soares/Debate Carajás)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!