Marabá
23°C
Scattered clouds

Adolescente é executado a caminho de encontro com namorada em Parauapebas

Wilson era um jovem trabalhador, responsável e não tinha ligação com facção criminosa. A vítima saiu de casa para se encontrar com a primeira namorada, porém foi morta a tiros
Wilson Silva não tinha envolvimento com facção criminosa - Crédito: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O adolescente Wilson Cordeiro da Silva, de 17 anos, foi morto a tiros, na madrugada desta terça-feira (21), na Rua Daniel Franco, Bairro Vale do Sol, em Parauapebas, no sudeste do Pará. Ele estava indo se encontrar com a namorada quando foi alcançado e assassinado por uma dupla em moto.

Dois indivíduos, a bordo de uma moto Honda Bros, teriam se aproximado da vítima, que andava em companhia de Victor Guimarães, de 47 anos, e perguntado se eles pertenciam a uma facção criminosa. A resposta de ambos foi negativa, mas os dois foram atingidos.

Victor conseguiu escapar dos matadores, mas Wilson foi alvejado nas costas, caiu e levou mais dois tiros na cabeça e morreu na hora. Segundo informações, Victor e Wilson não se conheciam, apenas estavam caminhando um próximo do outro ao serem atacados pelos desconhecidos.

O adolescente era natural da cidade de Irituia, nordeste do Pará, e trabalhava em uma fábrica de manilhas no Bairro Vila Rica. A outra vítima, Victor Guimarães, foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada ao Hospital Municipal de Parauapebas (HGP). (Portal Debate Carajás, com Agência Carajás)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!