Emily Eccles ficou com apenas um centímetro de pele unindo a mandíbula ao resto da cabeça após cair de um cavalo em Derbyshire, na Inglaterra, em agosto, após o animal se assustar com o escapamento de um carro. O cavalo galopou desenfreadamente, e a jovem acabou batendo com a cabeça em um poste de madeira. As informações são do Extra.

“Apenas olhei para baixo e pude ver dentes e ossos. Eu disse: É minha mandíbula?”, contou a inglesa, em reportagem da emissora ITV. Levada ao Hospital Infantil de Sheffield (Inglaterra), a adolescente segurava o queixo bem fora do lugar habitual, antes de ser atendida. Quando escrevia a uma amiga com o celular, ela acidentalmente acionou a câmera no módulo selfie e viu os terríveis ferimentos.

“Era como algo que você vê num filme, era bem horripilante”, relatou. Para os amigos, Emily parecia um zumbi de série de terror. A operação, conduzida pelo cirurgião Ricardo Mohammed-Ali, reconstruiu a face de Emily em 5 horas e meia. Na reconstrução facial, Mohammed-Ali usou três placas de titânio, deu mais de 160 pontos e só não conseguiu salvar um dos dentes afetados. O resultado foi tão impressionante que a própria adolescente escreveu para a rainha Elizabeth II pedindo que o médico receba o título de cavaleiro real.

Um mês após o acidente, a inglesa retomou a vida normal. Ela já quer voltar a montar, mas espera a aprovação dos pais, com quem mora.

“No começo, eu achava que não iria mais me parecer comigo, que eu não teria a mesma vida de antes do acidente. Mas ele (Mohammed-Ali) disse que em um ano, uma pessoa conversando comigo não perceberá que algo aconteceu. Estou imensamente grata pela minha recuperação”, declarou a jovem.