Marabá
23°C
Scattered clouds

Jovem grava vídeo antes de ser executada no nordeste do Pará

Investigações da polícia sobre o caso estão adiantadas. Morte pode ter relação com briga entre facções
Na gravação, a jovem nega que tenha atraído o “finado Jack” até um matagal para ser morto | Foto: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Erica da Silva, de 19 anos, executada com um tiro na nuca, no último domingo, 16, aparece em um vídeo gravado por seus executores antes de ser morta às margens de um rio no loteamento Jardim Liberdade, no município de Tailândia, região nordeste do Pará.

Na gravação, a jovem nega que tenha atraído o “finado Jack” até um matagal para ser morto. “Jack” é, na verdade, Adinaldo Marques Pires, de 20 anos, morto a tiros no começo do mês em Ourilândia do Norte, distante 637 quilômetros de Tailândia.

A morte de Erica, que acumulava diversas passagens pela polícia, segue sob sigilo, mas as investigações sobre o caso estão bem adiantadas. De acordo com o apurado pela reportagem, a execução está possivelmente relacionada à briga entre facções criminosas da região.

Veja o vídeo compartilhado nas redes sociais:

(Roma News)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!