"Lika" faleceu no 'trecho da morte'

Uma jovem, Maria Aparecida Dias dos Reis Costa, de 20 anos, conhecida como “Lika”, morreu, em um acidente de trânsito, envolvendo um veículo e uma motocicleta, na BR-222, na manhã de hoje (2), em Marabá, no sudeste do Pará, depois de ser atropelada por um caminhão.

Vida sofrida

De acordo com testemunhas, a moto em que a vítima se encontrava, na ‘garupa’, sofreu uma batida na parte traseira, “Lika” teria sido arremessada, caiu no centro da pista e foi atropelada por um caminhão. “O carro possou por cima da garota. Tinha marcas de pneu no corpo dela”, afirmou um pedestre. Segundo um membro da família, a vítima foi abusada e teria engravidado de um parente de primeiro grau aos 12 anos de idade.

De acordo com uma vizinha, a bisavô da vítima havia falecido no Hospital Municipal de Marabá (HMM), anos atrás, entretanto durante o traslado do corpo da idosa para o bairro Morada Nova, um caminhão passou por cima de uma moto, onde estavam a mãe e o padastro de de Maria Aparecida, matando os dois na BR-222, na hora.

A vítima foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), porém chegou ao Hospital Municipal de Marabá (HMM) sem os sinais vitais. Ela recebeu os primeiros socorros ainda na ambulância, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. A jovem era moradora do bairro Morada Nova e deixou um filho.

Debate Carajás