Marabá
22°C
Overcast clouds

Jovem Bombeiro desaparece no Pará

O soldado Allan Tadeu Neco Veira deveria ter assumido serviço hoje (6), no aeroporto, mas não apareceu. A moto do militar, que mora em Ananindeua, foi encontrada em Belém.
Segundo familiares, Allan Tadeu não tem inimigos e é uma pessoa reservada | Acervo pessoal
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O desaparecimento de pessoas é um fenômeno complexo, que exige das autoridades de segurança pública a minuciosa análise de pistas.

O bombeiro Allan Tadeu Neco Vieira, de 26 anos, está desaparecido desde sábado (5). Segundo familiares, o soldado do Corpo de Bombeiros mora sozinho, em Ananindeua, Região Metropolitana de Belém. O desaparecimento foi percebido neste domingo (6), quando o militar não compareceu ao serviço na Seção Contra Incêndio do Aeroporto Internacional de Belém, algo que não é habitual.

Segundo familiares do bombeiro, Allan Tadeu saiu na noite de sexta-feira para um bar, em Ananindeua. O último contato realizado por ele foi à 0h24 de sábado, quando o militar publicou em um grupo de WhatsApp que estava no Black Pub, na Cidade Nova. A família obteve imagens das câmeras do bar, nas quais é possível ver Allan – vestindo um colete de um clube de motociclistas – conversando com uma mulher (ainda não identificada).

Segundo a família do bombeiro, a moto do militar foi deixada na avenida Tavares Bastos por um homem desconhecido
A moto do militar foi deixada na avenida Tavares Bastos por um homem desconhecido.

A moto do bombeiro foi localizada, por acaso, por familiares que procuravam por ele em hospitais. A moto estava no Conjunto do Basa, na avenida Tavares Bastos, entre Almirante Barroso e João Paulo II, no bairro do Souza, em Belém. O veículo passou por perícia e está sob custódia do Corpo de Bombeiros.

Informações

Quem tiver informações sobre o possível paradeiro do bombeiro Allan Tadeu deve entrar em contato com o disque-denúncia 181. O disque-denúncia também recebe informações pelo WhatsApp (91) 98115-9181.

Câmeras de segurança mostram o bombeiro conversando com uma mulher
Câmeras de segurança mostram o bombeiro conversando com uma mulher.

Fonte: DOL

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!