Marabá
26°C
Scattered clouds

Jovem invade preferência e mata escrivão de polícia em Parauapebas

Adriano Cruz e a esposa trafegavam um moto Honda Biz, foram atropelados e o homem morreu ainda no local do acidente
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O escrivão de polícia Adriano da Cruz, 29 anos, morreu após ser atropelado por um veículo, no início da noite deste sábado (7), por volta das 18h, na Avenida Jamaica, esquina com a Avenida Dubai, Bairro Tropical, em Parauapebas, no sudeste do Pará.

O carro era dirigido pelo jovem João Felipe dos Santos, 21 anos, ao atropelar Adriano e a esposa que trafegavam em motocicleta Honda Biz, preta. A vítima do acidente fatal trabalhava na 20ª Delegacia de Polícia Civil como escrivão.

O automóvel, depois de passar por cima da esposa e marido, ainda derrubou uma árvore em cima de uma calçada. Adriano Cruz morreu ainda no local do acidente. Já a esposa foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em estado grave. (Portal Debate Carajás)

(Com informações Portal Papo Carajás)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!