Por volta de 22 horas, ontem (30), o conhecido Professor Josias Borges de Freitas, 60 anos, conhecido como “Prof. Josias”, estava em sua chácara, localizada às margens da BR-230, Km 7, próximo à Vila São José, sentido à cidade de Itupiranga (PA), sentiu forte “dor no peito”, foi conduzido, às pressas, para o Hospital Municipal de Marabá, mas não resistiu a um infarto fulminante e morreu. Assim que a morte foi anunciada, um sentimento de tristeza abalou os educadores de Marabá.

De acordo com familiares, o Prof. Josias faleceu ainda dentro do carro que o transportou para o HMM. A equipe médica tentou reanimá-lo por várias vezes, porém não houve sucesso e o óbito foi confirmado. A vítima foi um dos professores mais influentes na história da educação de Marabá. Ele era servidor da Seduc e da Semed até a sua aposentadoria, mas o seu trabalho mais importante na carreira de educador foi a ocupação do cargo de diretor da Escola Darcy Ribeiro, localizada no bairro Liberdade, por décadas.

Militante político, Prof. Josias foi candidato a vereador, na década de 1990, no entanto não conseguiu se eleger. A vítima era muito querida na cidade. Inúmeras pessoas buscavam ouvir os conselhos de Josias Borges tanto na área política como em assuntos relativos à educação. Josias é irmão das conhecidas professoras Zélia Borges e Ana Borges. Os três possuem uma história de lutas e conquistas na educação de Marabá.

Josias Borges era uma pessoa educada e cativante. Muito sincero em suas argumentações, influenciou uma geração de profissionais nas mais diversas áreas em Marabá. O corpo está sendo velado na Chácara Esperantina e o sepultamento será no Cemitério Jardim da Saudade, no Km 2, da BR-230, em frente ao Aeroporto de Marabá.