Marabá
27°C
Clear sky

Homem ameaça matar adolescente por causa de ligação de água, no sul do Pará

A confusão aconteceu no início da noite desta sexta-feira (5). Um vizinho ameaçou atirar com uma “por fora” em um adolescente. Todos os envolvidos foram levados pela Polícia Militar para a delegacia
Foto: Divulgação

Uma briga entre dois vizinhos que começou por causa de uma ligação de água, que ambos dividem, quase termina em morte em Santana do Araguaia, no sul do Pará. A confusão aconteceu no início da noite desta sexta-feira (5).

A guarnição com o segundo sargento Martins, cabo Júnior e soldado Gonçalves, da 30ª Companhia Independente da Polícia Militar (30ª CIPM), agiu rapidamente e acalmou os ânimos dos envolvidos. Segundo os policiais, eles estavam em ação na Operação “Polícia Mais Forte”, que está em andamento na cidade, quando por volta de 18h30 foram acionados via Central sobre uma ocorrência de ameaça a um adolescente na Rua Ametista Souza Lopes.

De imediato, a guarnição seguiu para o local. Ao chegar, a mãe da vítima, Vânia Clesia Nunes, relatou que seu vizinho, identificado como João Batista Dias, havia discutido com seu filho por causa de uma ligação de abastecimento de água compartilhada entre eles. Após xingamentos e ameaças ao adolescente, João Batista entrou na casa dele e saiu de lá com uma arma de fogo em punho e apontando para seu filho, que correu.

Ao ver a situação, que poderia terminar em tragédia, outros vizinhos interviram e conseguiram conter o suspeito, retirando a arma dele, que foi entregue à guarnição. A arma é uma espingarda de fabricação caseira com dispositivo de carga e percussão manipulada, tipo “por fora”, que estava carregada.

Diante dos fatos, os policiais conduziram todos os envolvidos na confusão para a Delegacia de Polícia Civil de Santana do Araguaia, onde foram apresentados, junto com a arma, para as medidas cabíveis. (Portal Debate, com informações de Native News Carajás)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!