Marabá
34°C
Few clouds

Helder suspende toque de recolher e reabre praias na região de Carajás

O anúncio foi feito após a reunião do Comitê Técnico e Científico liderado pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) | Foto: Marcelo Seabra/Ag. Pará
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), anunciou na noite desta quinta-feira (6) que as regiões de Carajás, do Araguaia, do Xingu e do Marajó Ocidental devem sair da bandeira vermelha para laranja, passando para classificação de risco médio de proliferação do novo coronavírus.

Com isso, as medidas restritivas passam a ser mais flexibilizadas nestas regiões. As regiões que já estão em laranja, inclusive a Região Metropolitana de Belém, permanecem nesta classificação. A decisão será publicada no Diário Oficial do Estado nesta sexta-feira (7).

Segundo Barbalho, a flexibilização foi tomada a partir da análise de dados monitorados pela Secretaria de Saúde Pública do Pará (Sespa), em conjunto com a Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra).

“Em todo o estado, há uma clara redução de pessoas infectadas e da pressão do sistema de saúde em relação à demanda de leitos. Estamos com 69,6% de ocupação de UTIs e 43,1% de ocupação de leitos clínicos”, afirmou o governador.

A mudança para bandeira laranja afeta 54 municípios, são eles:

  • Araguaia: Água Azul do Norte, Bannach, Conceição do Araguaia, Cumaru do Norte, Floresta do Araguaia, Ourilândia do Norte, Pau D’Arco, Redenção, Rio Maria, Santa Maria das Barreiras, Santana do Araguaia, São Félix do Xingu, Sapucaia, Tucumã e Xinguara.
  • Carajás: Abel Figueiredo, Bom Jesus do Tocantins, Brejo Grande do Araguaia, Canaã dos Carajás, Curionópolis, Dom Eliseu, Eldorado do Carajás, Itupiranga, Marabá, Nova Ipixuna, Palestina do Pará, Parauapebas, Piçarra, Rondon do Pará, São Domingos do Araguaia, São Geraldo do Araguaia e São João do Araguaia. Lago Tucuruí: Breu Branco, Goianésia do Pará, Jacundá, Novo Repartimento, Tailândia e Tucuruí
  • Marajó II: Anajás, Bagre, Breves, Curralinho, Gurupá, Melgaço e Portel.
  • Xingu: Altamira, Anapu, Brasil Novo, Medicilândia, Pacajá, Porto de Moz, Senador José Porfírio, Uruará e Vitória do Xingu.

Já as mudanças são:

  • Toque de recolher é suspenso;
  • Prática de esportes coletivos liberada;
  • Funcionamento de restaurantes até a meia-noite;
  • Praias e balneários reabertos;
  • Comércio sem restrição de horário;
  • Casas de show e boates permanecem fechadas.

(Debate Carajás, com G1 Pará)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!