Ontem, quarta-feira (2), na primeira parte do duelo que decidirá o representante brasileiro na Final da Libertadores 2019, Flamengo e Grêmio ficaram no empate em Porto Alegre. As informações são do Metrópoles.

Após um primeiro tempo dominante, no qual teve dois gols anulados, os comandados de Jorge Jesus abriram o placar com Bruno Henrique de cabeça, aos 23 do segundo tempo, etapa em que o Grêmio foi melhor. Aos 42, o tricolor gaúcho chegou ao empate com gol de Pepê.

O resultado dá ao Flamengo a vantagem do empate por 0 x 0 para o duelo da volta, no dia 23 de outubro, no Maracanã.

O jogo

Nos primeiros minutos do duelo, o Flamengo impôs seu ritmo de jogo, tocando a bola com paciência. Dessa forma, chegou com perigo ao gol de Paulo Victor, principalmente em chute de Arrascaeta, que tirou tinta da trave.

Aos 21 do primeiro tempo, o Flamengo chegou a abrir o placar… mas a alegria rubro-negra durou pouco. Filipe Luís levantou na área, Paulo Victor afastou, mas a bola caiu nos pés de Everton Ribeiro, que mandou para as redes. O VAR, no entanto, marcou falta de Gabigol, que empurrou Kannemann no lance.

Minutos depois, situação semelhante: Gabigol balança as redes com chute forte, que Paulo Victor aceitou. O bandeirinha, porém, já havia marcado o impedimento.

O primeiro tempo acabou com o Grêmio deixando uma má impressão. Foram poucas chegadas ao ataque, desorganizado, enquanto o Flamengo dominou as ações.

2º tempo

No começo da etapa complementar, os comandados de Renato Gaúcho conseguiram ter mais a bola nos pés e tocar a bola no campo de defesa rubro-negro. Consequentemente, conseguiram criar as primeiras oportunidades de qualidade. Primeiro com Everton, e depois, com Matheus Henrique, obrigando Diego Alves a fazer duas grandes defesas.

Apesar do bom momento gremista, foi o Flamengo que, finalmente, conseguiu abrir o placar. Arrascaeta cruzou da direita, Bruno Henrique subiu mais que Galhardo e, de cabeça, colocou os cariocas na frente aos 23 do segundo tempo.

Após o gol flamenguista, o Grêmio continuou pressionando, porém, ao se lançar ao ataque, abriu brecha para contra-ataques. Em um desses, Gabigol chegou a balançar as redes, porém, o impedimento foi marcado e os cariocas tiveram mais um gol anulado na partida.

Aos 42 do segundo tempo, o Grêmio conseguiu igualar o placar. Maicon abriu para Everton na direita, Cebolinha cruzou e Pepê apareceu na segunda trave para deixar tudo igual na Arena do Grêmio.