Apesar de um pequeno recuo no preço, a gasolina vendida no Pará foi a 3ª mais cara na região Norte | Wagner Santana

O preço médio do litro da gasolina comercializado no Estado do Pará apresentou um pequeno recuo de 0,06% em relação ao mês de outubro, segundo balanço realizado pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese/PA) com base em dados da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Em outubro, segundo o Dieese/PA, o litro da gasolina foi comercializado em média a R$ 4,570, com o menor preço custando R$ 4,120 e o maior R$ 5,450. Já no mês passado o produto foi comercializado em média a R$ 4,567, com o menor preço custando R$ 4,090 e o maior R$ 5,450.

Ainda segundo o Dieese/PA, mesmo com o ligeiro recuo registrado em novembro, a gasolina comercializada no Pará foi, em média, a terceira mais cara entre os estados da região Norte e a oitava mais cara de todo o país. Em média, o preço do litro da gasolina mais caro do país no mês passado foi comercializada no Rio de Janeiro custando em média R$ 4,883.

Preços

De acordo com o levantamento, em Belém o litro da gasolina apresentou aumento de 0,34% em relação a outubro. No mês passado o produto foi comercializado, em média, a R$ 4,417, com os preços oscilando entre R$ 4,190 e R$ 4,659. Em outubro, o litro da gasolina custou em média R$ 4,402, com os preços variando entre R$ 4,230 a R$ 4,499.

Entre os municípios paraenses, Parauapebas foi o que em média comercializou o litro da gasolina mais caro em novembro, custando R$ 5,104 (com o menor preço a R$ 5,080 e o maior a R$ 5,150), seguidos de Altamira (R$ 5,086, com o menor preço a R$ 4,970 e o maior a R$ 5,150); Abaetetuba (R$ 5,031, com o menor preço a R$ 4,789 e o maior a R$ 5,450); Redenção (R$ 4,938, com o menor preço a R$ 4,889 e o maior R$ 4,980); Conceição do Araguaia (R$ 4,897, com o menor preço a R$ 4,840 e o maior a R$ 4,930); Xinguara (R$ 4,896, com o menor preço a R$ 4,800 e o maior R$ 5,159); Alenquer (R$ 4,871, com o menor preço a R$ 4,799 e o maior a R$ 4,999); Marabá (R$ 4,736, com o menor preço a R$ 4,540 e o maior a R$ 4,860); Paragominas (R$ 4,717, com o menor preço a R$ 4,497 e o maior a R$ 4,850) e Itaituba (R$ 4,671, com o menor preço a R$ 4,599 e o maior a R$ 4,750)

DOL