Marabá
35°C
Clear sky

Família segue em busca de mulher desaparecida há 4 dias em Parauapebas

Dayane continua desaparecida e a família oferece uma recompensa.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O desaparecimento de Dayane do Carmo Silva, de 32 anos, completa três dias neste domingo (06). A família, afirmOU seguir apreensiva e desesperada, sem notícias da mulher, que nunca havia deixado o filho para trás.

Dayane desapareceu na tarde da última quinta-feira (03) por volta das 12h00, ao sair de sua residência para um churrasco e depois disso nunca mais foi vista.

A mãe de Dayane registrou um boletim de ocorrência policial através da Delegacia virtual onde relata que por volta das 12h00/13h00 do dia (03) presenciou uma conversa telefônica da filha em que a mesma combinava de ir em um churrasco com um casal de amigos no Bairro Guanabara, porem não retornou para casa.

O casal citado por Dayane foram preso na noite de quarta-feira (02), no cruzamento das Rui Barbosa e Mato Grosso, no Bairro Guanabara por tráfico de entorpecentes.

Na tarde desta sexta-feira (04), populares denunciaram a Polícia Militar que havia uma motocicleta abandonada em uma via pública no Bairro Minas Gerais, no Complexo Vs-10, e para a surpresa dos militares se tratava do veículo de Dayane que ainda está desaparecida, assim como o aparelho da mesma que também não foi encontrado. Ela tem um filho autista que precisa de cuidados especiais e, o mesmo já sente falta da mãe.

IMG_20210605_232538_089
A família está oferecendo uma recompensa de R$ 5 mil reais para quem encontrar a mulher com vida.

Fonte: Pebão Notícias

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!