O “clima de
festa”, existente no último dia de 2018, não impediu dois bandidos de matarem,
com vários disparos de arma de fogo, o Cabo PM Ortega, por volta de 11h 30, na Rua D.
Manuel, Nº 154, no Parque Verde, próximo ao elevado, em Belém, capital do
estado do Pará. A vítima foi executada por indivíduos que estavam em duas
motos. O militar “morreu na hora”, sem mesmo receber atendimento médico. Ele
era lotado no 20º Batalhão de Polícia Militar, sediado na Rua Barão de
Igarapé-Miri, no bairro do Guamá.
 
Após os disparos, uma
das motocicletas foi deixada no local do crime. Os assassinos fugiram em direção
à Rua São Pedro, no bairro da Cabanagem, onde foram perseguidos por uma viatura
da Guarda Municipal, mas conseguiram escapar da prisão. Considerado “linha dura”
no combate aos criminosos, Cabo Ortega já havia sobrevivido a dois atentados.
Desta vez, o militar não teve a mesma sorte. De acordo com o Sgt PM Gillard, a
morte do Cb Ortega foi mais uma grande perda para a corporação.