Já pensou em comer de graça no seu restaurante favorito durante um ano? Um universitário conseguiu o feito, mas de uma forma que chamou a atenção da internet nesta terça-feira (14).

O caso aconteceu nas filiais da rede de lanchonetes KFC da província de KwaZulu-Natal, na África do Sul. Disfarçado de inspetor de qualidade, um estudante universitário conseguiu comer por um ano, isso mesmo, 1 ano, de graça.

O rapaz  não teve a identidade revelada. Segundo informações do site sul-africano Xpouzar, ele se apresentava de terno e gravata aos gerentes das filiais e exibia um cartão falso de funcionário da rede. Em seguida, ele pedia refeições com o objetivo de ‘verificar’ a qualidade do produto.

Ainda segundo o site, o estudante chegava, algumas vezes, em uma limousine dirigida por um outro rapaz. “Quando ele chegava, nós tentávamos fazer o nosso melhor para não sermos repreendidos”, disse ao site “Xpouzar” um funcionário da rede. O rapaz também tinha acesso a cozinha e, inclusive, fazia anotações em um caderno.

Mas a história não acabou bem para o estudante. Ele foi desmascarado e preso. O caso viralizou nas redes sociais. Muitos usuários brincaram com o fato. Alguns chegaram a chamar o acusado de ‘mito’ e se questionaram como nunca pensaram em fazer a mesma coisa.