Descarga elétrica mata dois funcionários da Prefeitura de Conceição do Araguaia

Os dois homens estavam realizando serviços na praia do Sesteiro (Divulgação)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Dois funcionários da prefeitura de Conceição do Araguaia, sudeste paraense, morreram na manhã desta segunda-feira (2) após serem atingidos por uma intensa corrente elétrica enquanto faziam um serviço na Praia do Seresteiro, uma ilha intermitente que surge com as variações das águas do Rio Araguaia e se torna um ponto de lazer e um movimentado balneário do município. 

Segundo o prefeito Jair Martins (MDB), Moisés Silva de Oliveira, de 32 anos, e Ailton Pereira Coutinho, de 33, trabalhavam como auxiliar de serviços gerais e ajudante de eletricista. Por volta de 10h30, eles estavam recolhendo cabos que alimentavam um gerador cedido para produzir energia elétrica a um acampamento que se forma durante nos meses de julho e agosto. Com a água baixa, bancos de areia surgem nos rios da região, e pequenas praias de água doce são ocupadas por veranistas, e esses pontos contam com uma estrutura elétrica provisória.

Os homens teriam cumprido as normas de segurança, desligando o gerador antes de começar o serviço, mas o prefeito disse que o cabo de alta tensão encostou em uma instalação elétrica irregular que ainda estava ligada, e acabou eletrocutando a ambos, que ainda estavam na água e a poucos metros da margem. “O fio bateu nessa ‘gambiarra’ da barraca, que não tem nada a ver com a prefeitura. São barracos que ficam à margem do rio, e não têm fiscalização da concessionária de energia”, disse o prefeito Jair Martins.

Ainda ao telefone, o prefeito destacou que a administração municipal está prestando apoio psicológico à família das vítimas, e que os corpos já foram recolhidos e devem ser levados ao Instituto Médico Legal (IML) de Parauapebas. O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil, e a prefeitura do município informou que também abriu um procedimento administrativo para apurar a responsabilidade das mortes. 

O Liberal

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!