Os
agentes penitenciários do Centro de Recuperação Agrícola Mariano Antunes,
com o apoio da
Companhia de Independente de Missões Especiais (CIME)
, no início da
manhã de ontem (17), realizaram uma revista de rotina nos pavilhões “A”, “B”, “Forte II”
e “Ala Galpão”.
Durante a revista, houve um princípio de tumulto, por parte dos detentos, porém
os policiais militares efetuaram disparos de balas de borracha para conter os “ânimos”
dos detentos.
 
Conforme
declaração feita pelo Tenente Coronel, Alan Costa da Silva, diretor da Casa
Penal, foram encontrados 48 aparelhos celulares; 82 “petecas” de maconha; 1 “trouxa”
de crack; 5 “trouxas” de maconha prensada; 15 fones de ouvido; 12 carregadores
de celular; 4 colheres de metal e 6 pacotes de fermento biológico. O material
apreendido foi encaminhado para as autoridades competentes para realização de
procedimentos previstos em lei.