Um cachorro foi encontrado, no dia 16/5/2019, em casa, situada na Fl 15, bairro Nova Marabá, pelos fiscais da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Sema), após denúncia anônima. O animal estava acorrentado a uma árvore, sem água e comida, no quintal da residência. O cão estava em estado grave, desnutrido e em péssimas condições de higiene.

No dia 17/5, o animal foi resgatado por uma equipe do Centro de Controle de Zoonozes de Marabá e pelos funcionários da Associação Protetora dos Animais, Focinhos Carentes de Marabá. Depois de resgatado, o cachorro foi internado em uma clínica veterinária da cidade. O proprietário do cão alegou está viajando e tinha deixado a esposa responsável pelo animal.

No entanto, devido aos maus tratos, o animal morreu dois dias após internação. Na ficha técnica, consta que o animal veio a óbito, provocado por caquexia, desidratação, lesões no corpo e outras doenças. Diante dos fatos, Murilo Corrente do Nascimento, dono do cachorro, foi autuado por crime ambiental de maus tratos, agravado por morte. O acusado vai responder pelo crime diante do Juizado Especial Criminal.