Marabá
33°C
Few clouds

Caçador é morto por amigo ao ser confundido com veado no sudeste do Pará

Uma pessoa foi presa pelo crime e autuada por homicídio culposo e porte ilegal de arma de fogo
Nerivaldo Moreno de Araújo está preso por homicídio culposo e porte ilegal de arma de fogo | Foto: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

MARABÁ (PA) — Adacson Pompeu Baía morreu depois de ser atingido por um tiro acidental enquanto caçava um veado na tarde desta quarta-feira (6), na Ilha Piquiá, em Tucuruí, no sudeste do Pará.

Segundo a Polícia Militar, a vítima estava com um amigo e uma terceira pessoa no local, quando acabou sendo confundido com o animal e atingido pelo disparo da arma do companheiro.

O suspeito, identificado como Nerivaldo Moreno de Araújo, ainda fugiu do local do crime, mas foi capturado horas depois. Ele foi autuado por homicídio culposo, quando não há intenção de matar, e por porte ilegal de arma de fogo.

A Polícia Civil pediu a prisão preventiva do suspeito à 3ª Vara Criminal de Tucuruí e abriu inquérito para reunir elementos ao processo e identificar a outra pessoa que estava com a vítima e o suspeito. (Portal Debate Carajás)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!