Marabá
31°C
Overcast clouds

Cabo é exonerado da Polícia Militar em Marabá

Crédito: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O Aditamento ao Boletim Geral Nº 228, publicado em 10/12/2020, pelo Comando Geral da Polícia Militar do Pará, traz o licenciamento a bem da disciplina do Cabo Isaias Martins de Barros, cujo nome de guerra é “Cb De Barros”, lotado no 34° Batalhão de Polícia Militar, após o militar ter cometido transgressão disciplinar de natureza grave que atingiu a honra pessoal, pundonor militar e o decoro da classe.

Quem assina a a sentença militar é o Corregedor Geral da PMPA, Coronel PM Albernando Monteiro da Silva. Na medida administrativa e disciplinar, está previsto o prazo recursal contra a exoneração do Cabo, mas o Portal Debate Carajás não conseguiu contato com o militar exonerado para saber se ele impetrou alguma medida recursal.

Nas eleições de 2020, o praça foi candidato pelo Partido Social Cristão (PSC), obteve 286 votos, porém não conseguiu se eleger para o cargo de vereador em Marabá, no sudeste do Pará. Na época da eleição, o então candidato publicou um vídeo nas redes sociais, alegando existir uma quadrilha instalada dentro do Comando de Policiamento Regional II e pediu intervenção de oficiais superiores, Ministério Público Federal (MPF) e Polícia Federal (PF) no CPR II em Marabá.

Colegas de farda do Cb De Barros afirmaram que ele responde a outro processo na esfera militar devido as acusações contidas na gravação. Como não conseguiu contato, a Redação deixa o espaço aberto para futuras manifestações do Cb De Barros. Caso obtenha provimento de recurso em instâncias superiores, o militar será readmitido pela Polícia Militar do Estado do Pará.

Vídeo publicado na época da campanha eleitoral.

Fonte: Humberto Paiva Alicante

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!