Ao chegar para trabalhar na escola em que dava aulas, a professora Andréa Monte Santo Belizário, de 37 anos, foi assassinada a tiros pelo ex-marido, o subtenente do Corpo de Bombeiros Jefferson Mendonça de Santana, de 47 anos. O crime aconteceu na manhã de ontem (2), na periferia de Aracaju.

Andréa foi atingida por um tiro nas costas. Após o crime, segundo a Secretaria de Segurança Pública de Sergipe (SSP), o bombeiro cometeu suicídio. A mulher chegou a ser socorrida, mas morreu a caminho do hospital. Apesar de ser no momento de entrada dos alunos, nenhum foi atingido pelos disparos. As aulas na escola estão suspensas.

A secretaria informou que o Santana estava esperando a ex-mulher chegar no trabalho em um posto de saúde próximo à escola. Ao vê-la, testemunhas afirmam que ele tentou pegar a bolsa dela. Os dois discutiram e ele atirou na ex-mulher e depois contra sua própria cabeça.

Segundo a SSP, professora e bombeiro estavam separados, e o ex-marido não aceitava o rompimento. A secretaria também apura se havia histórico de violência contra a vítima, se havia registro de ocorrência na polícia ou medida protetiva expedida pela Justiça para proteger a mulher.

Texto: Portal ORM