Marabá
25°C
Clear sky

Banhistas flagram uma das maiores espécies de tartaruga do mundo no Pará

A espécie é a tartaruga-de-couro, que chega a mais de dois metros de comprimento e 1,5 metro de largura. O flagrante foi feito na noite desta quinta-feira (9/6), na praia das Corvinas
Crédito: Reprodução

Na noite desta quinta-feira (9), um grupo de banhista flagrou uma das maiores espécies de quelônios do mundo, que é a tartaruga-de-couro. O flagrante foi feito na praia das Corvinas, em Salinas, na Região do Salgado, no nordeste do Pará.

A tartaruga tem tamanho médio em torno de 2 metros de comprimento e 1,5 metro de largura e chega a pesar cerca de 500 kg. Há registro de uma com 900 kg e 3 metros de comprimento, a maior do mundo já registrada.

Encantados com o tamanho e peculiaridade do quelônio, eles fizeram um vídeo e compartilharam pelas redes sociais. A tartaruga-de-couro ou tartaruga-gigante é muito diferente das outras espécies, tanto na sua aparência, quanto na sua fisiologia.

Ela tem carapaça formada por costelas curtas e não fusionadas, recoberta por uma camada de pele fina e resistente e milhares de pequenas placas ósseas subcutâneas, daí o nome popular tartaruga-de-couro. Sua alimentação é composta basicamente por zooplâncton, celenterados e salpas.

A espécie vive sempre em alto-mar, se aproximando do litoral somente para desova. Conforme especialistas, elas consomem diariamente o equivalente ao seu próprio peso. (Com informações do Native News Carajás)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!