Marabá
25°C
Few clouds

Assalto com refém chega ao fim após seis horas no Pará

Dois homens invadiram um estabelecimento comercial e deixaram cinco pessoas sob a mira de um revólver
Um dos reféns passou mal | Foto: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Ficar sobre a mira de um revólver em extrema condição de ameaça é uma situação que só de imaginar causa pânico e essa condição não é tão rara quando criminosos resolvem agir. Isso foi o que funcionários de uma loja viveram no município de Juruti, no oeste do Pará.

Foram quase seis horas de negociação, no assalto com refém, em que cinco pessoas estiveram em posse de assaltantes. Eles invadiram o local após render o dono do estabelecimento e mais dois funcionários. A ação acabou por volta de 21h30 de ontem (14).

A loja, localizada na rua Marques Diniz, foi invadida pelos assaltantes. A Polícia Militar cercou todo o perímetro próximo ao estabelecimento para coibir qualquer tipo de fuga.

Samuel dos Santos Cavalcante e Abinadab Mendonça Oliveira, se entregaram após uma longa negociação com policiais civis e militares, com o apoio do promotor de Justiça Osvaldinho Lima de Sousa.

No primeiro momento, eles exigiram a presença da imprensa e uma lancha para fugirem.

Um funcionário que estava como refém passou mal, e foi liberado pelos assaltantes antes da negociação chegar ao fim.

Os dois, que são do Amazonas, estavam em posse de uma pistola Taurus, .380, além de munições e aparelhos celulares. (DOL)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!