Marabá
33°C
Overcast clouds

Abrigo de idosos presta contas de recursos públicos recebidos

Lar São Vicente de Paulo acolhe idosos em situação de vulnerabilidade no município
Foto: Divulgação
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

A direção do Lar São Vicente de Paulo fez uma espécie de prestação de contas na manhã do último dia 5 no plenário da Câmara Municipal de Marabá.

A presidente do abrigo, Neusa Ventura de Farias, detalhou que a missão deles é acolher o idoso em situação de vulnerabilidade, risco social e pessoal, nos aspectos biopsicossociais, desenvolvendo ações integradas e preservando sua capacitação funcional, tornando-o participativo e integrado à sociedade.

Neuza argumentou que a prestação de contas se faz necessária pelo grande apoio recebido da Câmara, até mesmo por meio de emendas impositivas. Ela detalhou que o espaço está aguardando a liberação da Justiça para novos acolhimentos, devido à pandemia.

“O Lar São Vicente possui uma cozinha com refeitório, sala administrativa com banheiro, dispensa, farmácia e lavandeira. Há, ainda, 16 quartos para acolhimento, sendo que nossa capacidade total é para 32 idosos. Temos ainda 14 vagas disponíveis, e hoje estamos com 18 internos”, relatou.

A presidente contou que, por meio das emendas impositivas, o Lar São Vicente melhorou sua infraestrutura para melhor atender os idosos que necessitam do suporte daquela casa de apoio. Ela também explicou que o abrigo funciona 24 horas por dia e que os internos recebem todos os cuidados necessários.

“As emendas impositivas que os vereadores repassaram ao abrigo somaram R$ 296.670, recurso com o qual foi possível fazer a aquisição de um veículo e realizar a ampliação do espaço com a construção de mais quatro quartos, ofertando mais 8 vagas, com implantação de sala de fisioterapia, entre outros serviços”.

Por fim, Neuza clamou que a Câmara continue apoiando o espaço e solicitou ajuda para equipar a sala de fisioterapia, reforma e adequação dos quartos antigos, energia solar, entre outras pautas necessárias para o atendimento dos idosos.

Apoiador do Lar São Vicente, o vereador Miguelito (PDT) agradeceu pelo excelente serviço prestado à sociedade marabaense, de cuidado e respeito ao idoso.

Ilker Moraes (MDB) teceu críticas à Prefeitura Municipal pelo não atendimento das emendas de bancada dos vereadores. Ilker disse que continuará destinando recurso para a casa de acolhimento e que emenda de bancada foi direcionada ao lar São e a gestão municipal não atendeu, não respeitando os direitos dos parlamentares e da própria sociedade.

Os demais vereadores também se posicionaram positivamente para continuar o apoio ao Lar São Vicente e elogiaram a prestação de contas e os resultados obtidos pela instituição. (Com Ascom CMM)

Cadastre-se e receba notificações de novas postagens!